O Que é a Gravidade e Quais os Efeitos Que Ela Provoca no Corpo Humano?

A gravidade é uma força física que a Terra exerce sobre todos os corpos celestes, no seu respectivo centro, daí a expressão centro gravitacional da Terra. Mas não é apenas isso. Gravidade também pode ser definida como a força de atração dos corpos, em razão de suas massas. A gravidade relaciona-se diretamente com peso da massa do planeta, sobre todos os objetos que entram em seu campo gravitacional. O peso de um mesmo corpo poderá, portanto, variar de acordo com um ou de outro planeta, se estes tiverem uma massa diferente da do planeta Terra.

 

Desde a chegada do homem à lua, a questão da gravidade tem sido mais explorada de maneira popular, uma vez que a imagem de um homem flutuando no espaço encantou milhões de pessoas no mundo todo. E, de fato encanta até hoje. Mas, o que poucos não sabem, é o que os efeitos da ausência de força gravitacional pode provocar nos corpos humanos. Já imaginou isto?

 

Então, pense sobre a possibilidade de ser empurrado de um lado para o outro, flutuando no espaço sem sofrer a ação da força da gravidade. O que é de fato verdadeiro, é que esta sensação é a primeira a ser sentida por quem está sem a força da gravidade sendo exercida sobre seu corpo. Mas não é apenas isto. Durante alguns relatos de astronautas foi percebido que eles sentiam inflar as veias do pescoço poucos minutos após saírem da atmosfera da Terra. Alguns sentidos – como o paladar e o olfato – também ficam alterados: os astronautas só conseguem sentir o sabor das comidas muito temperadas. Outras partes do corpo ainda são afetadas, como os pulmões. Na superfície terrestre, os níveis de oxigênio e de sangue nesse órgão são constantes; já no espaço, esses níveis se alteram.

 

Nas viagens longas, ainda há outro problema que é constantemente notado. Os problemas de ordem psicológica. Astronautas, por exemplo, ficam limitados a um espaço, além de serem isolados da vida normal da Terra. Tais mudanças podem provocam ansiedade, insônia, e depressão.

 

Ao retornarem ao planeta, há ainda o efeito oposto: o de sentirem alguns problemas por terem sido reintroduzidos em campo com gravidade. Há um nítido enfraquecimento dos ossos, além de perda parcial do equilíbrio constante. Alguns médicos estudam os efeitos da gravidade e a ausência delas no corpo humano. Alguns chegaram a apontar que os efeitos de falta de gravidade se assemelham, e muito, a chagada à velhice. Pode ser que a máxima esteja correta: idade avançada é perda da gravidade.

27. abril 2015 por Geografia Legal
Categoria: Geografia | Tags: , , , , |